Clínica de Odontologia e Estética - EM Lira Odontologia

Ortopedia

Você já deve ter ouvido falar da Ortopedia Funcional, especialidade da odontologia que soluciona desequilíbrios ósseos, musculares e de funcionamento dos maxilares, alinhamento dos dentes e problemas de ATM. Dentre as inúmeras possibilidades, essa área pode tratar problemas de respiração bucal, já que esse padrão respiratório inadequado pode afetar progressivamente o desenvolvimento físico da pessoa, comprometendo o desenvolvimento da face e das arcadas dentárias. Informe-se mais sobre o assunto e veja se essa pode ser a solução para você.

PRÉ-ADOLESCÊNCIA É O MELHOR MOMENTO PARA TRATAR

O tratamento pode ser realizado em qualquer idade, mas o melhor período é o de crescimento, mais ou menos naquela fase da pré-adolescência . “Nas meninas esse período se estende até os 12 anos, já nos meninos até os 13, em média. Se passar muito desse período, os resultados podem ser alcançados em menor expressão”, afirma.

RESPIRAÇÃO BUCAL EXIGE UM TRATAMENTO MULTIDISCIPLINAR

Para quem tem o hábito de respirar pela boca, seja qual for a causa, a Ortopedia Facial é uma excelente terapia de correção. A profissional ressalta, entretanto, que esse tratamento é multidisciplinar. “É ideal que a criança visite um otorrinolaringologista pra atestar que não há nenhum impedimento mecânico para que a criança respire pelo nariz, tais como amígdalas e/ou adenóides hipertróficas, desvio de septo e alteração de cornetos”.

A Ortopedia Facial pode estimular o crescimento nos ossos que estão atrofiados nos respiradores bucais, principalmente do “céu da boca” (que é o assoalho do nariz) e da mandíbula, aumentando o espaço bucal interno e posicionando de forma mais saudável a língua gerando, assim, melhores condições de respiração. “O tratamento também facilita a respiração nasal”, diz. Se não tratada, a longo prazo a respiração bucal pode gerar prejuízos grandes, como alterações musculares e ósseas da face, do tórax e na postura.

OS CUIDADOS COMEÇAM CEDO

Os problemas de maloclusão, em geral, se dão por uma combinação de herança genética – herdados dos pais – e alterações sofridas no meio ambiente – falta de estímulo à mastigação, problemas respiratórios, entre outros. “Por isso a importância da amamentação natural, por ser um exercício para a musculatura da boca necessário para o crescimento dos ossos da face e assoalho do nariz”, concluiu. Evite que seu filho use chupetas ou limite seu uso até os 4 anos de idade. Outra dica importante é observar a respiração do seu filho, se ele estiver dormindo de boca aberta, fique atento. Não deixe seu filho viver as consequências de uma respiração errada e corrija o quanto antes.


Agende sua consulta

Seu Email

Data desejada

Seu Nome

Telefone

Selecione o tratamento desejado